Export ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/tede/3063
Type: Dissertação
Title: Fatores associados à autoavaliação de saúde em idosos longevos do Distrito Federal
Author(s): Neves, Wanderlan Cabral 
First Advisor: Oliveira, Maria Liz Cunha de
Summary: Em idosos longevos, uma autoavaliação positiva da saúde pode estar associada à autopercepção de um envelhecimento bem-sucedido em vários campos, como na área social, da saúde e econômica. A busca da longevidade, de viver mais com saúde e bem-estar constitui um dos principais valores almejados em toda a história da humanidade. Esta pesquisa tem por objetivo investigar fatores associados à autoavaliação de saúde levando em consideração princípios como os de influência genética, microRNAs, dimensão cultural de idosos longevos no Distrito Federal; fatores estes que influenciam na autopercepção da saúde em idosos longevos (idade ≥80 anos). Trata-se de um estudo do tipo observacional, analítico, corte transversal, descritivo, quantitativo. Amostra de 227 idosos, em contexto ambulatorial, e aplicação de questionários para avaliar características clínicas e sociodemográficas, foi medida a autopercepção da saúde no momento atual (muito boa/boa, regular, ruim/muito ruim), em comparação com outros da mesma idade e a própria saúde com um ano atrás (melhor, igual ou pior). O resultado da pesquisa aponta que a maioria dos idosos considerou a própria saúde regular (57%), percebe-se que o fator idade apresenta uma proporção equitativa média de para ruim e muito ruim, e que as mulheres se autopercebem mais negativamente que os homens com 63,5% de análise como muito ruim, ruim e regular. É utilizado um estudo estatístico para comparação. À guisa de conclusão vemos que a maioria dos idosos revela um elevado grau de disfuncionalidade motivado por doenças crônicas não transmissíveis, o que traduz a dependência na realização de grande parte das atividades da vida diária.
Abstract: A high health positive self-evaluation in aged elders’ links to a well-succeeded ageing process in many fields just like social, health and economics areas. A long age research, healthily and welfare living it constitutes one of main values seek throughout all humankind history. This research has as objective to inquire about Federal District ageing old people self-evaluation genetics influence, microRNAs, cultural dimension principles related factors that influence into their health self-perception (age > 80 years old). It is an observational, analytics, cross-section, descriptive, quantifying. A quantifying research means that numbers can quantify all; it means that everything can be expressed in numbers, opinions and information to classify and analyze them. A 227 old people sample were submitted to a medical consultation and a quiz to evaluate their clinic and socio demographic situation. The present self-perception was measured (very good/good, regular, and bad/very bad) in comparison with other people at the same age and their own health according to a year (better, the same, or worst). The research results show that aged elders’ majority considered their health as regular (57%), it is figured out that age factor presents an average equitable proportion as bad to very bad, and women has their self-perception more negative than men with 63,5% analyzed as very bad, bad and regular. It will be used a statistics study for comparison. Concluding we will see that the aged elders’ majority show a high level of dysfunctionality motivated by chronical noncommuncable diseases and it means a great part for daily activities dependence.
Keywords: Idosos longevos
Autopercepção da saúde
Autoavaliação da saúde
Long-lived elderly
Self-perceived health
Self-rated health
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Language: por
Parents: Brasil
Publisher: Universidade Católica de Brasília
Institution Abbreviation: UCB
Department: Escola de Saúde e Medicina
Program: Programa Stricto Sensu em Gerontologia
Citation: NEVES, Wanderlan Cabral. Fatores associados à autoavaliação de saúde em idosos longevos do Distrito Federal. 2020. 60 f. Dissertação (Programa Stricto Sensu em Gerontologia) - Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2020.
Access Type: Acesso Parcial
URI: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/tede/3063
Document date: 30-Oct-2020
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Gerontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
WanderlanCabralNevesDissertacaoParcial2020.pdfDissertação (Parcial)1.27 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.