???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/tede/2795
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Avaliação da condição de higiene bucal e conhecimento profissional sobre a assistência prestada em idosos institucionalizados
???metadata.dc.creator???: Cunha, Élida de Sousa 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Miranda, Alexandre Franco
???metadata.dc.description.resumo???: O crescimento da população idosa chama a atenção para os diversos fatores envolvidos nesse processo denominado envelhecimento mundial. Dentre os vários aspectos preocupantes, a saúde é considerada o principal foco de estudo. Diante de todos os trabalhos e estudos, observou-se uma carência de pesquisas que destacassem a saúde bucal do idoso, a ressaltar aqueles que residem em Instituições de Longa Permanência. Diante das condições de saúde bucal dos idosos brasileiros considerou-se importante realizar este estudo, a fim de identificar a condição de higiene bucal dos idosos institucionalizados e o conhecimento dos profissionais sobre a higienização bucal bem como a rotina de cuidados bucais nas instituições de longa permanência. Desta forma, o objetivo desse trabalho foi avaliar o conhecimento profissional sobre medidas de higienização bucal e a condição de saúde bucal de idosos residentes em uma instituição de longa permanência do interior de Minas Gerais. O estudo foi realizado por meio de uma pesquisa descritiva transversal de abordagem quantitativa. Avaliou-se a condição de higiene bucal dos idosos residentes na instituição utilizando o instrumento de Avaliação da Saúde Bucal para Triagem Odontológica (ASBTO). Os profissionais que atuavam na assistência direta aos idosos também foram avaliados quanto ao conhecimento sobre a higienização bucal de idosos por meio de um questionário estruturado. A maioria dos idosos avaliados eram do sexo feminino (69,9%), apresentavam faixa etária de 60 a 69 anos (38,18%), renda mensal de um salário mínimo (94,55%) e eram analfabetos (76,36%). A totalidade da amostra apresentava dependência total nas atividades básicas da vida diária e comprometimento cognitivo. Em relação à condição de saúde bucal, a maioria dos idosos investigados era edêntula (69,1%), não usava próteses dentárias (67%) e apresentava saburra subclínica no dorso lingual (52,7%). Apesar desses achados, a maioria dos idosos institucionalizados apresentou condição de higiene bucal satisfatória (87,27%). Em relação aos profissionais que atuam nessa ILPI, a maioria era do sexo feminino (75%) e possuía formação de nível técnico em enfermagem (66,67%). Afirmaram conhecer as medidas de prevenção de saúde bucal, entretanto citaram necessitar de mais treinamentos e capacitações específicas, bem como a utilização de equipamentos adequados para o desenvolvimento das ações de higienização e cuidados bucais. Diante dos dados obtidos no estudo, enfatiza-se a necessidade de correta educação e atuação clínica efetiva em relação aos cuidados com a saúde bucal dos idosos institucionalizados. Adicionalmente, torna-se vital a elaboração de diretrizes e orientações específicas com o foco na rotina de higienização e cuidados com a saúde bucal de idosos institucionalizados.
Abstract: The growth of the elderly population calls attention to the various factors involved in this process called world aging. Among the various aspects of concern, health is considered the focus of several studies. In view of all the works and studies in this area, there was a lack of research highlighting the oral health of the elderly people, especially those who live in nursing homes. In view of the oral health conditions of the Brazilian elderly population and the lack of structure in the nursing homes, it was considered important to carry out this study in order to identify the oral hygiene condition of the institutionalized elderly people and the knowledge of the professionals as well as the oral care routine in long-stay nursing homes. Thus, this work aims at the evaluation of the professional knowledge about oral hygiene measures and the oral health condition of elderly residents in a nursing home in the countryside Brazilian state of Minas Gerais. The study was carried out through a cross-sectional descriptive research with a quantitative approach in which the oral hygiene condition of the elderly residents in the institution was evaluated using the Oral Health Assessment Instrument for Dental Screening (ASBTO). Professionals who worked in direct care for the elderly people were also assessed for their knowledge of oral hygiene in elderly people through a structured questionnaire. Most of the elderly people assessed were female (69.9%), aged 60 to 69 years (38.18%), financially supported by a minimum wage (94.55%) and were illiterate (76.36 %). The entire sample had one or more limitations in basic activities of daily life and cognitive impairment. Regarding the oral health condition, most of the elderly people investigated were edentulous (69.09%), did not use dental prostheses (67%) and had subclinical coating on the lingual dorsum (52.73%). Despite these findings, most institutionalized elderly people presented satisfactory oral hygiene (87.27%). In relation to the professionals who work at the nursing home where this study was carried out, most of them were female (75%) and had technical training in nursing (66.67%). They claimed to know the oral health prevention measures, however, they cited the need for more specific training and qualifications, as well as the use of appropriate equipment for the development of hygiene and oral care actions. In view of the data obtained in the study, the need for correct education and effective clinical performance in relation to oral health care for institutionalized elderly people is emphasized. In addition, it is vital to develop specific guidelines and instructions with a focus on routine hygiene and oral health care, being this the result of this specific research.
Keywords: Idosos
Higiene bucal
Instituição de longa permanência para idosos
Nursing homes
Elderly people
Oral hygiene
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Católica de Brasília
???metadata.dc.publisher.initials???: UCB
???metadata.dc.publisher.department???: Escola de Saúde e Medicina
???metadata.dc.publisher.program???: Programa Stricto Sensu em Gerontologia
Citation: CUNHA, Élida de Sousa. Avaliação da condição de higiene bucal e conhecimento profissional sobre a assistência prestada em idosos institucionalizados. 2020. 92 f. Dissertação (Programa Stricto Sensu em Gerontologia) - Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2020.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/tede/2795
Issue Date: 7-Dec-2020
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Gerontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ElidadeSousaCunhaDissertacao2020.pdfDissertação6.57 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.