???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/tede/2346
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorMenezes, Cícero Nunes-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/4070538072114334por
dc.contributor.advisor1Ribeiro, Maria Alexina-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/0105178485100219por
dc.date.accessioned2018-01-22T11:19:33Z-
dc.date.issued2017-07-25-
dc.identifier.citationMENEZES, Cícero Nunes. Reganho de peso após cirurgia bariátrica em mulheres: estudo da dinâmica familiar. 2017. 122 f. Dissertação (Programa Stricto Sensu em Psicologia) - Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2017.por
dc.identifier.urihttps://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/tede/2346-
dc.description.resumoA obesidade é considerada uma epidemia mundial, enquanto a obesidade grau III é uma das doenças que mais matam no mundo. Pesquisas mostram que o número de pessoas obesas no Brasil é de 20,8% e chega a 36,9% em todo o mundo. Hoje já existem vários tratamentos para a doença, sendo a cirurgia bariátrica o método mais eficazes no controle da obesidade e de suas comorbidades. No entanto, o reganho de peso atinge cerca de 7 a 50% dos pacientes submetidos à cirurgia. De acordo com a perspectiva sistêmica, há influências mútuas entre o indivíduo e seu sistema primário de desenvolvimento, que é a família. Este sistema pode ser um contexto de saúde e também de adoecimento dos seus membros. Assim, entende-se que a família pode ter influência no surgimento, bem como na prevenção e tratamento de várias doenças. Consoante com a necessidade de uma melhor compreensão sobre esse fenômeno e a busca de soluções mais eficazes, o presente estudo teve como objetivo principal: compreender como a dinâmica familiar de adultos submetidos à cirurgia bariátrica pode influenciar ou não no reganho de peso pós cirurgia. Os objetivos específicos foram: identificar aspectos da estrutura familiar, como as regras de relacionamento, tipos de fronteiras e comunicação entre seus membros; conhecer a história familiar, no que diz respeito ao início e desenvolvimento da obesidade, tratamentos e contexto da decisão de fazer a cirurgia e período pós-cirúrgico; descrever o padrão alimentar da família no período anterior e posterior à cirurgia bariátrica, identificando a qualidade e quantidade de alimentos e situações familiares envolvendo a alimentação; Identificar possíveis influências de outros sistemas sociais (igreja, escola trabalho, serviços de saúde) no reganho ou não de peso pelas mulheres após a cirurgia bariátrica. Privilegiou-se a metodologia qualitativa por meio do estudo de caso. Participaram da pesquisa duas famílias residentes em Regiões Administrativas do Distrito Federal, com mulheres adultas que foram submetidas à cirurgia bariátrica; uma das pacientes apresentou reganho de peso acima de 10% em relação ao peso mínimo alcançado após a cirurgia bariátrica enquanto a outra não. Foram realizados dois encontros com cada família, utilizando um roteiro de entrevista semiestruturado e a construção do genograma familiar. As informações levantadas foram analisadas de acordo com o método construtivo interpretativo, e discutidas com base na abordagem sistêmica da família. Os resultados mostraram que na família da paciente que apresentou significativo reganho de peso as fronteiras e regras familiares são difusas e há dificuldades na diferenciação em relação à família extensa, e existe ambiguidade na compreensão das regras; na família da paciente que não teve reganho de peso existem regras claras de relacionamento e definição dos papéis de seus membros; em ambos os casos observamos o aspecto da multifatorialidade da obesidade, pois além dos fatores genéticos algumas características da dinâmica familiar podem ter contribuído nos dois casos; a adesão ao tratamento e o apoio familiar e social contribuíram para que o quadro atual dos casos estudados. Os dados apresentados reforçam a importância da inclusão da família e da rede de apoio social na prevenção, tratamento e acompanhamento de pacientes obesos antes e após a cirurgia bariátrica.por
dc.description.abstractObesity is considered a worldwide epidemic, while grade III obesity is one of the most deadly diseases in the world. Research shows that the number of obese people in Brazil is 20.8% and reaches 36.9% worldwide. Today there are several treatments for the disease, and bariatric surgery the most effective method to control obesity and its comorbidities. However, weight regain accounts for about 7% to 50% of patients undergoing surgery. According to the systemic perspective, there are mutual influences between the individual and his primary system of development, which is the family. This system can be a context of health and also illness of its members. Thus, it is understood that the family can have influence in the emergence, as well as in the prevention and treatment of several diseases. Consistent with the need for a better understanding of this phenomenon and the search for more effective solutions, the present study had as its main objective: to understand how the family dynamics of adults submitted to bariatric surgery may or may not influence the weight regain after surgery. The specific objectives were: to identify aspects of the family structure, such as rules of relationship, types of borders and communication among its members; Know the family history, regarding the onset and development of obesity, treatments and context of the decision to do surgery and post-surgical period; To describe the family food pattern in the period before and after bariatric surgery, identifying the quality and amount of food and familiar situations involving food. Identify possible influences of other social systems (church, work school, health services) in the regain or not of weight by the women after the bariatric surgery. The qualitative methodology was privileged through the case study. Two families residing in Administrative Regions of the Federal District participated in the study, with adult women who underwent bariatric surgery; One of the patients presented a regain of weight above 10% in relation to the minimum weight reached after bariatric surgery while the other did not. Two meetings were held with each family, using a semi-structured interview script and the construction of the family genogram. The information collected was analyzed according to the interpretive constructive method, and discussed based on the family systemic approach. The results showed that in the patients family who presented a significant weight regain family boundaries and rules are diffuse and there are difficulties in the differentiation in relation to the extended family, and there is ambiguity in understanding the rules; In the patients family who did not have a weight regain there are clear rules of relationship and definition of the roles of their members; In both cases we observed the multifactorial aspect of obesity, since in addition to the genetic factors some characteristics of the family dynamics may have contributed in both cases; Adherence to treatment and family and social support contributed to the current picture of the cases studied. The data presented reinforce the importance of including the family and the social support network in the prevention, treatment and follow-up of obese patients before and after bariatric surgery.eng
dc.formatapplication/pdf*
dc.thumbnail.urlhttps://bdtd.ucb.br:8443/jspui/retrieve/5432/CiceroNunesMenezesDissertacaoParcial2017.pdf.jpg*
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Católica de Brasíliapor
dc.publisher.departmentEscola de Saúde e Medicinapor
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.initialsUCBpor
dc.publisher.programPrograma Strictu Sensu em Psicologiapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectFamíliapor
dc.subjectObesidadepor
dc.subjectCirurgia bariátricapor
dc.subjectReganho de pesopor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS DA SAUDEpor
dc.titleReganho de peso após cirurgia bariátrica em mulheres: estudo da dinâmica familiarpor
dc.typeDissertaçãopor
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CiceroNunesMenezesDissertacaoParcial2017.pdfDissertação (Parcial)631.43 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.