???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/tede/2344
???metadata.dc.type???: Tese
Title: Contribuições da psicodinâmica do trabalho para a concepção de parâmetros na mensuração do risco operacional
???metadata.dc.creator???: Chagas, Paulo Cesar 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Freitas, Lêda Gonçalves de
???metadata.dc.description.resumo???: Esta tese busca na teoria da psicodinâmica do trabalho e do risco operacional um espaço comum para pensar a saúde, o trabalho e suas implicações na relação com a organização do trabalho, envolvendo, desta forma, o trabalhar. Assim, o objetivo geral deste estudo é identificar na teoria da psicodinâmica do trabalho contribuições para o desenvolvimento de parâmetros de mensuração do risco operacional, que focalize a pessoa que trabalha. Sob uma lógica estrutural dos objetivos específicos, este estudo foi construído sob três núcleos e metodologicamente foi estruturado como de abordagem qualitativa, de natureza aplicada e objetivos exploratórios, os quais foram sustentados em procedimentos bibliográficos, alicerçados na teoria da psicodinâmica do trabalho para estear um diálogo com a teoria do risco operacional, que tem seus pilares no gerencialismo para sustentar o aprisionamento aos padrões do pensamento mecanicista; onde as exigências pelo resultado tem no sujeito que trabalha o agente da falha humana, a julgar que o horizonte conceitual do risco operacional entende o trabalhador como uma variável no processo produtivo que deve respeitar escrupulosamente as prescrições. Esta invisibilidade da pessoa que trabalha é demonstrada a partir de um estudo empírico apresentado nesta tese o qual evidencia a exposição do sujeito que trabalha a necessidade gerencialista de resultado. E ao julgar que para teoria dejouriana trabalhar é constantemente ajustar, adaptar, reparar, arranjar e que a subjetividade do sujeito que trabalha está em constante pressão entre a forma e a fôrma do fazer que possibilitou, nesta pesquisa, imaginar um espaço para incorporar o Inventário sobre Trabalho e Riscos de Adoecimento (ITRA) no ambiente de mitigação do risco operacional. Esta é uma contribuição deste estudo ao oportunizar o acesso para o gerenciamento do risco operacional de uma base dados de informações sobre a percepção que os trabalhadores têm de seu contexto de trabalho e da avaliação que eles fazem das ocorrências de vivência, de prazer, de sofrimento e de danos provocados por este trabalho, base esta construída a partir do ITRA, que possibilitará aos gestores do risco operacional conhecer as dimensões da inter-relação trabalho e processo de subjetivação no próprio contexto de trabalho. Este saber-fazer, o engajamento do corpo, a mobilização da inteligência, a capacidade de refletir, de interpretar e de reagir a diferentes situações no ambiente de trabalho são contribuições ofertadas pela psicodinâmica do trabalho que também se beneficia com outra contribuição deste estudo ao possibilitar que o sujeito que trabalha possa demandar pesquisa da psicodinâmica do trabalho a partir do processo de ajustamento dos procedimentos operacionais.
Abstract: This research seeks a work experience, a work and its implications in the relationship with the work organization, thus involving the work. Thus, the general objective of this study is to identify in the theory of psychodynamics of work contributions to the development of a company that works. Under a structural logic of the objectives, this study was built under three cores and methodologically, was structured as a qualitative approach, of an applied nature and exploratory objectives that were sustained in grounded bibliographic procedures in the theory of psychodynamics of work to establish a dialogue with the theory of the operational risk that has its pillars without managerialism to support the pragmatism of the mechanistic thinking patrons where as demands for result have in the subject that works the agent of human failure, since the conceptual horizon of operational risk understands the worker as a variable in the process productive that it must scrupulously respect as prescriptions and it is this invisibility of the working person that is demonstrated from a study empirically developed in this study. And in judging that for the theory it leaves the fasting of work and fasting, adjustment, repair, arranging and that the subjectivity of the working subject is in constant pressure between a form and form of doing that, in the research, to imagine a space for incorporate Inventory on Labor and Risks of Adoption - ITRA in the operational risk mitigation environment. And this is a contribution of the study when opportunizing for the management of operational risk access to a base of information about the perception that works in its work context and evaluation that are the occurrences of experience, pleasure, suffering and damages caused by this work is based on the ITRA that will allow managers of operational risk as the dimensions of the interrelationship between work and the process of subjectivation in the work context. And this know-how, the engagement of the body, a mobilization of intelligence, a capacity for reflection, interpretation and reacting to different situations without work environment are contributions of work by psychodynamics of work that also benefit from another contribution of this study by enabling the subject who works in the search for psychodynamics of work research in the process of adjusting the operational procedures.
Keywords: Psicodinâmica do trabalho
Risco operacional
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Católica de Brasília
???metadata.dc.publisher.initials???: UCB
???metadata.dc.publisher.department???: Escola de Saúde e Medicina
???metadata.dc.publisher.program???: Programa Strictu Sensu em Psicologia
Citation: CHAGAS, Paulo Cesar. Contribuições da psicodinâmica do trabalho para a concepção de parâmetros na mensuração do risco operacional. 2017. 177 f. Tese (Programa Stricto Sensu em Psicologia) - Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2017.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/tede/2344
Issue Date: 24-Oct-2017
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PauloCesarChagasTese2017.pdfTese3.99 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.