???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/123456789/202
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: O Brasil na exposição universal de Xangai: dimensão intercultural e discurso imagético
???metadata.dc.creator???: Barbosa, Ana Claudia Cunha
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Dravet, Florence Marie
???metadata.dc.description.resumo???: Esta pesquisa é uma reflexão sobre como o Brasil moldou o seu discurso para o público chinês no contexto de um grande encontro cultural realizado em Xangai, onde interesses econômicos influenciaram na estruturação da mensagem. Para realizar o estudo, tornou-se fundamental considerar as interfaces entre globalização, imagem e interculturalidade. Todavia, a alteridade surgiu como tema fundamental na integração desses três tópicos, uma vez que a percebemos como elemento basilar da construção discursiva do país, bem como o impacto resultante da distância cultural entre emissor e receptor. Neste aspecto, a pesquisa analisa o paradoxo entre a pregnância do estereótipo e a pretensão de um processo simbolicamente aprimorado. Diversos autores ajudaram na construção teórica do estudo, com destaque para Todorov, Bakhtin, Canclini. A semiótica da cultura compôs a parte metodológica do trabalho, mas também nos baseamos nos conceitos antropológicos de Gilbert Durand. Aspiramos com o trabalho ajudar na concepção discursiva do Brasil nos eventos internacionais, onde o país se insere e obtém, cada vez mais, destaque.
Abstract: This master's thesis is a reflection on how Brazil has shaped its speech to the Chinese in the context of a large cultural meeting held in Shanghai, where economic interests has influenced in the structure of the message. To conduct the study, it became essential to consider the interface between globalization, image and interculturality. However, the otherness emerged as a essential theme in the integration of these three topics, since we perceive as the core element of the discursive construction of the country, as well as the impact of the cultural distance between sender and receier. In this respect, the research examines the paradox between the ascendancy of the stereotype and the pretension of a symbolic enhanced process. Several authors helped to build the theoretical basis of the study, especially Todorov, Bakhtin, Canclini. The semiotics of culture was the main methodology used in this work, but we also rely on anthropological concepts of Gilbert Durand. With this master's thesis we aim to help Brazil on its discursive conception in international events, where the country is gathering further highlight.
Keywords: Comunicação intercultural
Globalização
Identidade
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Universidade Católica de Brasília
???metadata.dc.publisher.initials???: UCB
???metadata.dc.publisher.department???: Comunicação
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós Graduação em Comunicação
Citation: BARBOSA, Ana Claudia Cunha. O Brasil na exposição universal de Xangai: dimensão intercultural e discurso imagético. 2013. 199 f. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2013.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/123456789/202
Issue Date: 5-Aug-2013
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Comunicação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ana Claudia Cunha Barbosa.pdf9.18 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.