???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/123456789/1694
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Riscos ambientais da ocupação urbana no entorno de águas superficiais: o caso do córrego Mingau, no bairro Parque Amazônia, em Goiânia - GO
???metadata.dc.creator???: Assunção, Simone Gonçalves Sales de
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Faria, Sueli Corrêa de
???metadata.dc.contributor.referee1???: Pasqualetto, Antônio
???metadata.dc.contributor.referee2???: Brites, Ricardo Seixas
???metadata.dc.description.resumo???: Esta dissertação avalia os riscos que a ocupação urbana representa para as águas superficiais no município de Goiânia, com base em um estudo de caso realizado em uma área de 284.437,68 m2, localizada no bairro Parque Amazônia, na qual se insere totalmente das nascentes principais até o ponto de deságüe em outro curso d água - o córrego Mingau, um afluente em terceiro grau do Rio Meia Ponte. Nesse estudo de caso foi aplicado o método Análise do Risco Ecológico (FARIA, 1996), em que a dimensão do risco é dada pela combinação da sensibilidade de um fator natural a danos causados pelo uso antrópico com a intensidade de danos potenciais causados pelo uso antrópico a esse mesmo fator natural. A análise apontou um alto nível de risco nas áreas de preservação permanente previstas no Código Florestal e na legislação goiana, que ali se fazem representar pelas faixas de 100 metros no entorno das nascentes e de 50 m ao longo do córrego, dado que em nenhuma parte da área de estudo existe mata ciliar em excelente estado de preservação. Pelo contrário, essas áreas são ocupadas por usos clubes de lazer, oficina de pintura e funilaria, depósito de resíduos, canais de drenagem, agricultura e horticultura, habitação e vias pavimentadas que comprometem a quantidade e a qualidade da água e a integridade física do córrego, cujas nascentes foram inclusive vedadas e canalizadas para uso privado. Os resultados da análise referenciam sugestões voltadas para controlar ou mitigar os danos ecológicos evidenciados na área do córrego e entorno e também para orientar o planejamento urbano global da capital goiana, de modo a dar sustentabilidade ambiental ao seu desenvolvimento.
Abstract: This dissertation evaluates the risks to surface waters in the municipality of Goiania posed by urbanization, based on a case study of 284,437.68 square meters in the Parque Amazonia neighbourhood. This includes all of the area drained by Mingau creek (a tertiary tributary of the Rio Meia Ponte), ranging from its main sources to the point where it drains into a larger stream. The Ecological Risk Analysis Method (FARIA, 1996) was used in this case study. This method gives the degree of risk through a combination of the sensitivity of a natural factor to damage through anthropic uses with the intensity of potential damages caused by anthropic use of this same factor. The analysis indicated a high level of risk in the areas of permanent preservation called for in the Forest Code and in State legislation, represented by strips of 100 meters around the sources and 50 meters along the creek, given that none of the area studied contains riverine forest in excellent condition. On the contrary, these areas are subject to the following activities that have compromised water quantity and quality and the physical integrity of the creek, whose sources have even been closed off and channeled for private use: leisure clubs, paint and tinsmith workshops, dump sites, drainage canals, agriculture and horticulture, human occupation and paved roads. The results of the analysis make reference to suggestions for ways in which to control or mitigate the ecological damage in the area of the creek and its environs and also to orient the overall urban planning of the capital of the state of Goiás so as to insure environmentally sustainable development.
Keywords: Ecologia - Goiás (Estado)
Águas superficiais - Goiás (Estado)
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::OUTROS
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Universidade Católica de Brasília
???metadata.dc.publisher.initials???: UCB
???metadata.dc.publisher.department???: Gestão Ambiental
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Planejamento e Gestão Ambiental
Citation: ASSUNÇÃO, Simone Gonçalves Sales de. Riscos ambientais da ocupação urbana no entorno de águas superficiais: o caso do córrego Mingau, no bairro Parque Amazônia, em Goiânia - GO. 2002. 122 f. Dissertação (Mestrado em Gestão Ambiental) - Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2002.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/123456789/1694
Issue Date: 12-Dec-2002
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Planejamento e Gestão Ambiental

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert SIMONE Parte1.pdf1.15 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.