Export ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/123456789/1654
Type: Dissertação
Title: Valoração dos ativos e passivos ambientais das UHT Corumbá III e IV : apontamentos sobre a disponibilidade a pagar dos cidadãos do entorno pelo uso dos recursos naturais
Author(s): Rezende, Andréa Abadia Bartonelli de 
First Advisor: Araujo, Paulo Ricardo da Rocha
Summary: Esta pesquisa buscou avaliar se os habitantes das cidades de Luziânia, Silvânia, Santo Antônio do Descoberto, Alexânia e Abadiânia, impactados diretamente pela construção da UHE Corumbá III e IV percebem ou perceberam seus impactos positivos e negativos e se teriam alguma Disposição a Pagar com relação a seus ativos e passivos ambientais. Para tanto, utilizou-se de ferramentas do planejamento e da gestão ambiental para a valoração ambiental, como: a pesquisa Survey estruturada, formatada e aplicada sob uma perspectiva antropológica, buscando-se acessar diretamente a população envolvida por meio do Método de Valoração Contingente. A pretexto de precificar ou dar valor de mercado a algo imaterial, aferido hipoteticamente, legitima a concepção de referenciais de valor monetário tanto para o mercado, quanto para a avaliação de políticas públicas para o setor. No sentido de trazer uma maior racionalidade e eficiência na utilização e gerenciamento dos recursos naturais, parte-se do pressuposto de que a população impactada possa vir a referendá-lo, pela aprovação, consentimento e Disposição a Pagar/Aceitar, em face de seus potenciais benefícios exteriores ao objeto em si geração de energia. Pelos resultados da pesquisa, esta hipótese foi tecnicamente comprovada mas, eticamente, comprometida em função da condução do processo de desinformação conduzido pelos interesses econômicos. Ao mesmo tempo em que a população se declara, majoritariamente, disposta a pagar tanto por seus benefícios econômicos como pela reversão de seus impactos destrutivos, declara-se também, majoritariamente, desinformada e, consequentemente, desmobilizada para a ação. Esta pesquisa, portanto, ao mesmo tempo em que aponta uma perspectiva positiva de desenvolvimento e crescimento econômico, também aponta para os desafios ligados às exigências do licenciamento ambiental. Aqui colocado dentro da lógica da Economia Ambiental de fins regulatórios, permissiva, complacente e afinada com este modelo de desenvolvimento infra(des)estruturado e (in)sustentável. Concluindo, apresenta os resultados da DAP e suas contradições, chamando atenção para a observância da Carta da Terra em seu princípio 9º e 10º.
Abstract: This study aimed to assess whether the inhabitants of the cities of Luziânia, Silvania, Sto. Antonio Descoberto, Alexânia and Abadiânia, directly impacted by the construction of hydroelectric Corumbá III and IV perceive or realize their positive and negative impacts and would have some relationship to Willingness to Pay their environmental assets and liabilities. To this end, this work makes used of tools for planning and environmental management, which are used for environmental valuation, such as: the Survey Research was structured, formatted and applied in an anthropological perspective, seeking direct access to the population concerned by the Contingent Valuation Method. The pretext of price or market value to give something immaterial, measured hypothetically, legitimizes the concept of reference of monetary value for both the market and for the evaluation of public policies for the sector. In order to bring greater rationality and efficiency in the use and management of natural resources, it starts from the assumption that the population impacted might ratifies it, approval, consent, and Willingness to Pay / Accept, in view of their potential benefits outside the object itself - power generation. The results of the study, this hypothesis was proven technically but ethically compromised as a function of conducting the process of misinformation driven by economic interests. While the population declares itself, mainly, willing to pay as much for its economic benefits as the reversal of its destructive impacts, it is stated also, mostly, uninformed and therefore disbanded for action. This research, therefore, while pointing a positive outlook for economic growth and development, also points to the challenges linked to the environmental licensing requirements. Here placed within the logic of Environmental Economics regulatory purposes, permissive, indulgent and in tune with the developmental model below (un) structured and (un) sustainable. In conclusion, presents the results of the DAP and its contradictions, calling attention to the observance of "Earth Charter" in principle 9 and 10.
Keywords: política ambiental
economia ambiental
meio ambiente
environmental valuation
environment
environmental economics
ecological economics
contingent valuation
willingness to pay
environmental assets and liabilities
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS
Language: por
Parents: BR
Publisher: Universidade Católica de Brasília
Institution Abbreviation: UCB
Department: Gestão Ambiental
Program: Programa de Pós-Graduação em Planejamento e Gestão Ambiental
Citation: REZENDE, Andréa Abadia Bartonelli de. Valoração dos ativos e passivos ambientais das UHT Corumbá III e IV : apontamentos sobre a disponibilidade a pagar dos cidadãos do entorno pelo uso dos recursos naturais. 2012. 120 f. Dissertação (Mestrado em Gestão Ambiental) - Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2012.
Access Type: Acesso Aberto
URI:  https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/123456789/1654
Document date: 27-Jun-2012
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Planejamento e Gestão Ambiental

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Andrea Abadia Bartonelli de Rezende.pdf3.94 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.