Export ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/123456789/1635
Type: Dissertação
Title: Manutenção da diversidade vegetal arbórea do cerrado em áreas utilizadas para produção de carne
Author(s): Mota, Karina Régia Machado 
First Advisor: Santos, Perseu Fernando dos
Summary: O bioma savana é o quarto maior em extensão no mundo e contém uma das mais ricas biodiversidades do planeta. O Cerrado brasileiro é considerado um tipo de savana e vem sendo objeto de estudos há mais de duzentos anos. Nas últimas décadas, o Cerrado tem despertado grande interesse dos estudiosos devido a uma grande preocupação com a acelerada perda da biodiversidade, tendo as práticas antrópicas como uma das principais causadoras da sua degradação. Dentre essas, a pecuária é uma atividade econômica que tem degradado áreas nativas num ritmo acelerado, necessitando cada vez mais de novas áreas para formação de pastagens. O superpastejo, a mecanização pesada, o uso de aditivos químicos e a monocultura de forrageiras são alguns exemplos de práticas que vêm degradando áreas do Cerrado brasileiro. Práticas de manejo para a recuperação das áreas degradadas e a manutenção da biodiversidade do Cerrado devem ser mais bem pesquisadas. O trabalho foi realizado na Fazenda Água Limpa da Universidade de Brasília, Distrito Federal, onde se analisou uma área de Cerrado sensu stricto manejada para pastagem utilizando um sistema silvipastoril para produção de carne. Para o delineamento experimental foi utilizada uma área de oito hectares que foi dividida em duas áreas de quatro hectares cada, sendo uma área controle e outra área experimental. Na área experimental foi plantado a lanço o capim Andropogon gayanus cv Planaltina, e introduzidos 20 animais da raça Nelore distribuídos em cinco animais por hectare. Para análise dos dados coletados, os índices utilizados foram os Índices de Comparação Sequencial (ICS) e os Índice de Riqueza de Espécies, Índice de Simpson, Índice de Shannon e Índice de Uniformidade de Pielou. Os tratamentos estatísticos foram os de U Mann-Whitney e Kruskal Wallis. Os dados indicaram um aumento da diversidade vegetal arbórea na área experimental quando comparada com a área controle. Os resultados apresentaram maior diversidade de espécies para a área experimental e maior número de indivíduos para a área controle, concluindo que a intensidade do pastoreio influencia na diversidade vegetal arbórea do bioma Cerrado em áreas utilizadas para a produção de carne.
Abstract: The savanna biome is the world fourth largest biome and contains one of the richest biodiversity of the planet. The Brazilian savanna is considered type of savanna and has been a subject of study for more than two hundred years. In recent decades, the Brazilian savanna has been an issue of great interest among researchers due to huge concern about an increasing loss of biodiversity, being anthropogenic practices one of the major causes of degradation. Among them, livestock is an economic activity that has degraded natural areas at an increasing pace, once it requires more and more new areas for cattle pasture. The overgrazing, the heavy mechanization, the use of chemical additives and forage monocultures are some examples of practices that have degraded areas of the Brazilian savanna. Management practices for recovering degraded areas and maintenance of the Brazilian savanna biodiversity should be better researched. This study was conducted at the farm Água Limpa of the University of Brasilia, Distrito Federal, where it was examined the maintenance of vegetal diversity of savanna trees stricto sensu in areas used for meat production. For the experimental outline, it was used an area of eight acres divided into two areas of four acres each, being one control area and one experimental area. In the experimental area it was planted by throwing the grass Andropogon gayanus cv planaltina, and introduced twenty Nellore cattle distributed into five animals per acre. For collected data analysis, the indices used were the Sequential Comparison Index (SCI) and the Index of Species Wealth, the Simpson Index, the Shannon Index and the Uniformity Pielou Index. The statistical treatments were the Mann-Whitney and Kruskal Wallis. The data indicated an increase in vegetal diversity of trees in the experimental area compared with the control area. The results showed greater diversity of species in the experimental area and a larger number of individuals in the control area, concluding that the intensity of grazing influences the diversity of the Brazilian savanna natural vegetation in areas used for meat production.
Keywords: política ambiental
gestão ambiental
diversidade vegetal
pastagem ecológica
pecuária
desenvolvimento sustentável
vegetal diversity of trees
pasture magnitude and sustainable livestock
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::MICROBIOLOGIA::BIOLOGIA E FISIOLOGIA DOS MICROORGANISMOS
Language: por
Parents: BR
Publisher: Universidade Católica de Brasília
Institution Abbreviation: UCB
Department: Gestão Ambiental
Program: Programa de Pós-Graduação em Planejamento e Gestão Ambiental
Citation: MOTA, Karina Régia Machado. Manutenção da diversidade vegetal arbórea do cerrado em áreas utilizadas para produção de carne. 2012. 42 f. Dissertação (Mestrado em Gestão Ambiental) - Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2012.
Access Type: Acesso Aberto
URI:  https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/123456789/1635
Document date: 26-Jun-2012
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Planejamento e Gestão Ambiental

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Karina Regia Machado Mota.pdf831.39 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.