???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/123456789/1259
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: A sedação intra-operatória com subdoses de S-cetamina melhora a depressão no idoso : ensaio clínico randomizado duplo-cego
???metadata.dc.creator???: Bastos, Margarida Castanheira Rodrigues Brêtas 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Pereira, Mauricio Gomes
???metadata.dc.contributor.referee1???: Beraldo, Paulo Sérgio Siebra
???metadata.dc.contributor.referee2???: Tavares, Adriano Bueno
???metadata.dc.contributor.referee3???: Vianna, Lucy Gomes
???metadata.dc.description.resumo???: A população encontra-se em rápido processo de envelhecimento. A depressão é uma doença com grande prevalência, no idoso, contudo com freqüência não é corretamente tratada ou a adesão ao tratamento é baixa. Tal poderá dever-se, em parte, ao mecanismo de ação dos antidepressivos tradicionais, que têm um tempo de latência de semanas. A S-cetamina, um antagonista direto dos receptores NMDA, poderá ter um efeito antidepressivo rápido e duradouro e mostrar-se extremamente útil no período peri-operatório destes pacientes. OBJETIVOS: avaliar se a S-cetamina, utilizada como sedativo intra-operatório, poderá melhorar a depressão, no idoso, no período do pós-operatório imediato. O objetivo secundário é avaliar se a utilização da S-cetamina, obedecendo ao protocolo deste estudo, não tem efeitos colaterais que limitem o seu uso. JUSTIFICATIVA: Embora a forma racêmica já tenha sido estudada com este objetivo em pacientes não idosos, a S(+) não foi ainda estudada, de forma a poder avaliar os efeitos deste fármaco sobre a depressão, nem foi utilizada em baixas doses, como sedativo intra-operatório, nesta faixa etária. MÉTODO: 70 pacientes idosos (62 homens), provenientes de dois hospitais de Brasília, classificados como deprimidos (D) e não deprimidos (ND) de acordo com os critérios do DSM IV, foram randomizados no interior de cada grupo. Os subgrupos D1 e ND1 utilizaram como sedação, 10mg de S-cetamina, associada a 1mg de midazolam e os subgrupos D2 e ND2, apenas 1 mg de midazolam, em bolus endovenosos, até atingir o grau 3/4 na Escala de Ramsay. A avaliação do objetivo principal foi feita pela escala de depressão de Hamilton, de 21 itens, no pré e pós-operatório. RESULTADOS: A pontuação média na Escala de Hamilton decresceu do valor basal préoperatório de 18,8 ± 6,3 para 12,7 ± 4,5, no segundo dia de pós-operatório, nos pacientes que fizeram uso de S-cetamina (P = 0,004), enquanto se manteve com valores próximos, 17,0 ± 5,5 e 18,7 ± 5,8, nos pacientes que apenas utilizaram o midazolam (P = 0,447). Não se encontraram diferenças nos grupos ND 1 e 2. Não houve diferenças significantes nos quatro grupos, quanto aos efeitos colaterais adversos. CONCLUSÕES: a sedação intra-operatória com S-cetamina melhora a depressão no pósoperatório imediato, sem efeitos colaterais limitantes, no idoso.
Abstract:  Intraoperative sedation with low-dose S- ketamine improves depression in the elderly: double-blind, randomized, controlled, clinical trial The population is ageing rapidly. Depression is a very common disease in the elderly, often not correctly treated and with low treatment adherence. The reason for that can be due, partly, to how antidepressants routinely used work, as they need weeks to be clinically effective. Sketamine, a direct antagonist of the NMDA receptors, can have a rapid and long antidepressant action and can be very useful at the postoperative period, in these patients. OBJECTIVES: to determine whether S-ketamine, used as an intra-operative sedative, can improve depression, in the elderly, in the immediate postoperative period. To evaluate also if low doses of S-ketamine have no adverse events that can restrict its clinical use. METHODS: 70 elderly patients (62 men), from two Brazilian hospitals (Brasília), classified as depressed (D) and not depressed (ND), according to DSM-VI criteria, where divided randomly into four groups. Group D1 and ND1 used for sedation 10 mg of S-ketamine, added to 1 mg of midazolam and groups D2 and ND2 only 1mg of midazolam, in intravenous bolus, until we could reach 3-4 th grade in Ramsay Scale. Primary efficacy measure was quantitatively estimated by the 21-item Hamilton Depression Rating Scale, one day before and one day after surgery. RESULTS: the mean Hamilton Depression Rating Scale score was significantly lower, one day after surgery in group D1, that used S-ketamine (18,8 ± 6,3 to 12,7 ± 4,5), P = 0,004. Pre and postoperative scores where similar in group D2, that used only midazolam (17,0 ± 5,5 to 18,7 ± 5,8), P = 0,447. There was no significant difference in not depressed patients. There were no significant differences, related to adverse events, between all groups. CONCLUSIONS: the intra-operative sedation with S-ketamine improves postoperative depression without adverse events that can restrict its clinical use
Keywords: S-cetamina
sedação
idoso
S-ketamine
depression
sedation
elderly
idosos - depressão mental; idosos - cirurgia; gerontologia
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA::SAUDE PUBLICA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Universidade Católica de Brasília
???metadata.dc.publisher.initials???: UCB
???metadata.dc.publisher.department???: Ciências da Saúde
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Gerontologia
Citation: BASTOS, Margarida Castanheira Rodrigues Brêtas. A sedação intra-operatória com subdoses de S-cetamina melhora a depressão no idoso : ensaio clínico randomizado duplo-cego. 2007. 86 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2007.
???metadata.dc.rights???: Acesso Embargado
URI:  https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/123456789/1259
Issue Date: 12-Dec-2007
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Gerontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Texto completo.pdf418.25 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.